APTA - Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios

Notícia

 

14/09/2017
Gestão da Pesca e Aquicultura é tema de debate no Instituto de Pesca
A gestão da pesca e da aquicultura sob o olhar multidisciplinar e multi-institucional foi o tema de debate em evento realizado pelo Instituto de Pesca (IP-Apta), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, em 5 de setembro de 2017. Cerca de 40 pessoas estiveram no Parque da Água Branca, na capital paulista, para participar do encontro que reuniu pesquisadores, dirigentes de colônias de pescadores, agentes de fiscalização e representantes dos governos estadual e federal, além de mestrandos do programa de pós-graduação em aquicultura e pesca do IP.

A pesquisadora do IP Paula Maria Gênova de Castro Campanha, coordenadora do evento, destaca que a ideia de reunir os diversos atores envolvidos na gestão da pesca e aquicultura teve o objetivo de ampliar a discussão acerca dos desafios que o setor enfrenta.

“Compreender o que está acontecendo nos setores produtivos da aquicultura, da pesca profissional e também do turismo é muito importante para termos uma visão global a respeito da gestão do setor de pesca. São setores que estão interagindo o tempo todo e nós precisamos encontrar uma forma de gerenciar melhor tudo isso. Por isso reunimos pessoas que estão ligadas diretamente à atividade, mas com papéis diferentes, para conseguir traçar um panorama e apontar perspectivas”, explica a pesquisadora do IP.

A abertura do evento foi feita pelo diretor de departamento do IP, Luiz Marques da Silva Ayroza, que na oportunidade deu as boas-vindas aos palestrantes e participantes. Em seguida, a programação contou com seis palestras ministradas pelo analista ambiental e engenheiro de Pesca José Dias Neto (IBAMA-DF); o major da Polícia Militar Ambiental de São Paulo, Marco Aurélio Venâncio; o presidente da Federação de Pescadores e Aquicultores do Estado de São Paulo e da Colônia de Pescadores Z-20 de Barra Bonita; Edivando Soares de Araújo; a engenheira da Superintendência Federal da Pesca e Aquicultura do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, Joyce Taveira; o analista ambiental da Secretaria do Meio Ambiente e ex-aluno do Programa de pós-graduação do Instituto de Pesca, Raphael Estupinham de Araújo; e o pesquisador científico e ex-diretor de departamento do IP, Edison Kubo.

Na discussão foram abordados assuntos como a emissão do Registro Geral da Pesca (RGP) e da Licença de Pesca, legislação ambiental, o papel do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços na gestão pesqueira e aquícola e questões ligadas à produção e à preservação de pescado. Os palestrantes ressaltaram que a falta de um monitoramento nacional da atividade pesqueira prejudica o setor, tornando ineficientes as políticas públicas para a área.

“A área da pesca e aquicultura para o novo ministério não começou a se estruturar ainda. Esse é o momento de discutirmos o futuro do setor e unir forças para que se tenha um órgão que, de fato, o represente”, afirmou Joyce Taveira.

Para Edison Kubo, “o momento de crise no País nos faz perder muito em questão de produção. Realizar uma discussão assim é importante para o setor, pois um trabalho em equipe e de bom senso pode ajudar a melhorar isso”.

Katia Cristina, aluna da pós-graduação do IP, relatou que o debate ampliou sua visão sobre o mercado: “Esse tipo de evento deveria acontecer com mais frequência, pois, além de ter sido muito esclarecedor, reuniu diversos setores e permitiu que enxergássemos outros pontos de vista que, geralmente, acabamos nos esquecendo, avaliou.

“Para a instituição, oportunidades como essa são indispensáveis. Além de atuar em um instituto de pesquisa, nós também capacitamos profissionais, e é importante nos atualizarmos, para mostrar a eles os diversos olhares e vivências do setor”, concluiu Paula Gênova.

Por Letícia Chiquetto (estagiária) e Leonardo Chagas

Revisão Márcia Cipólli

Mais informações:

Assessoria de Comunicação

Secretaria de Agricultura e Abastecimento

Instituto de Pesca

(11) 3871-7549 / (11) 3871-7588

cecomip@pesca.sp.gov.br

|Voltar|